quarta-feira, 22 de junho de 2011

Nosso tempo



Não sei se queria poder ver o futuro, não teria graça de viver o que você já conhece, porque o que nos mantém vivos são os fracassos que nos ajudam a ter força para obter o sucesso. Nós queremos apenas amar e mudar as coisas, seria a luta imperceptível que travamos para amar e para “mudar o futuro”, entre aspas porque temos que ser um pouco mágicos para saber o que vai acontecer, mas com o tempo a vida nos obriga a fazer disso um hábito, burocrático sempre igual. Por isso basta apenas saber viver o presente sem enlouquecer muito com o futuro. 

“Não sei mais de onde foi que eu vim, por que é que estou aqui e para onde devo ir cá pra nós, é bem melhor assim desconhecer o início e ignorar o fim.” (The Logical Song - Supertramp - versão: Humberto Gessinger)


Aldeny Rodrigues.

5 comentários:

  1. Sempre achei que se soubéssemos o futuro nosso presente não teria graça.

    Abraços!

    http://semdorsemvitoria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. esse sim é digno de todos esforços!

    ResponderExcluir
  3. a frase do final foi show, complementou muito seu texto e o tornou mais bonito. Gostei!

    visita: http://semeandoecoatitudes.blogspot.com/
    e http://semomitirorealcotidiano.blogspot.com/

    aguardo amigo,com seu comentário
    abraços

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto. =)

    Fala sério, né gente?
    http://falaserionegente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. gostei mt do texto.. a teoria do desconhecido é mt boua fz td sentido :) ahh eo adoro esse layout

    ResponderExcluir